Maria e sua menina

No livro Letraria, acompanha a Maria uma simples frase: Sonhador é aquele que enxerga cor no vento. E não é que ela encontrou um vento colorido? Ao pular para dentro de um vestido de uma garotinha, agora não mais uma desconhecida! De agora em diante, provavelmente, Maria  vai acompanhá-la em seus dias. Vai ficar ali pendurado no guarda roupa enquanto ela vai a escola, e vai aguardar ansiosamente sua... volta. Vai ter com ela, a menina, momentos de intimidade.  Uma vai olhar para outra e perguntar: de onde você veio? e de onde você é? O que podemos fazer juntas? E provavelmente, vai ser banhada por algumas lagrimas que cairão dos olhos dessa menina. A vida é... assim! A noite enquanto a menina dorme, Maria, ali pendurada em um cantinho, vai tentar descobrir seus sonhos, enquanto vela por seu sono. Maria, sabia do seu destino quando pulou para dentro do vestido.  As meninas crescem, os vestidos não. Daqui a pouco, vai ser esquecido e vai ter uma nova dona, talvez...  uma irmã!  Mas também poderá, quando não mais servir, ser guardado em uma caixa, ou saquinho e se tornar um tesouro, uma referência, um objeto biográfico, aqueles que guardam com carinho doces momentos da vida!


Nenhum comentário: