Pular para o conteúdo principal

Quando o coração foge do peito



Quando menina, essa Maria ficava assustada e preocupada todas as vezes que ouvia a avó dizer, quando se emocionava, “o coração me foge do peito”. Preocupada, ela procurava em baixo da cama, atrás dos livros, dentro das panelas reluzentes do armário, atrás da porta, entre as pedras do quintal, no formigueiro, entre os canteiros de cravos vermelhos do jardim, na caixa de costura...
Passaram-se anos e essa Maria ainda continua sua busca pelo destino dos corações fugitivos.

Comentários

jeito simples disse…
Bom dia Cininha!
Que estória linda de amor por sua avó. A colagem ficou um encanto.
Seu talento me emociona.
bjo.
Regina disse…
Ah, que lindo! Tanto a colagem, como o seu texto. Que sorte a sua poder lembrar de momentos com sua avo. Eu nao tenho nenhuma recordacao das minhas.
Um otimo dia pra voce.
Regina disse…
ps.: essa colagem vai enfeitar o meu tumblr.
Celi Dias disse…
Que lindo!...Trabalho muito criativo...Parabéns!!!!visite meu blog...postei um tabalho sei...bjs!!!
rossichka disse…
I hope she will not lose the heart!:) A wonderful hand...
Pia disse…
Che bella l'idea del cuore che fugge! Bellissimo anche come l'hai rappresentata con il tuo quadro!
e você ainda ousa pensar que não tem o dom da palavra? Tive que segurar meu coração para ele não pular fora de tanta lindeza...
Meu coração pula pra fora do peito é quando estou feliz..como agora,ao apreciar sua belezura....beijos colocacoraçãopradentromenina.
Que linda!! se ve tan enamorada, me encanta. un beso.
Anita disse…
Simplesmente fantástico, tanto a colagem qto o conto, cheio de encantos com a vovó, adorei. Bjs
eli disse…
me encanta lo que hacés!!!buscando y buscando por internet recuerdo que topé con tu blog ...te sigo y me agradó ver que me seguís...muchas gracias por esa devolución!!
SKIZO disse…
Beautiful
work
good creations
Ana Amélia disse…
Linda a colagem e o conto mais fofo aínda.Bjos.
Anônimo disse…
You always bring a smile on my face... Obrigada ;-) Thank you, Danke schön!

wellentratsch
SONIA DE SÁ disse…
CININHA,
Tão encantadora quanto a sua
história é a personagem que
para não ter um coração fugitivo,
arrumou logo um jeito de amarrá-lo
e mantê-lo por perto.
beijos
SONIA DE SÁ
quartosdebebebysoniadesa.blogspot.
com
bicocacolors disse…
me encanta... ARTISTA!!!
Mariacininha disse…
Thanks, Obrigado.

Postagens mais visitadas deste blog

7 de janeiro dia do Leitor

Hoje é dia do leitor. E, nós independente dos livros somos leitores da vida, das relações humanas, da natureza. Recentemente desenvolvemos outra forma de leitura, a virtual. Quando ocorre a empatia, a aproximação, mesmo de longe aprendemos a ler o outro, a sentir... Descobrimos importâncias e desimportâncias. Descobrimos afetos, amor, amizade, admiração ou nos descobrimos tendo apenas a função de um acessório. Descobrimos, artimanhas, manobras, inveja, a maldade e a vaidade a toda prova. Em compensação descobrimos pares, e amizades que se materializam no real.Temos uma vida dois, igual a real, na tela do computador, e por isso dia a dia temos que desenvolver mais uma forma de leitura.
Amo esse texto do Mia Couto que fala sobre o leitor. No dia do leitor... Não Sabemos Ler o Mundo
Falamos em ler e pensamos apenas nos livros, nos textos escritos. O senso comum diz que lemos apenas palavras. Mas a ideia de leitura aplica-se a um vasto universo. Nós lemos emoções nos rostos, lemos os sina…

Contém Maria

Estava indo tudo bem, até eu descobrir que as Marias ficariam encantadoras em caderninhos tipo Moleskine. Ganharam complementos, que extrapolam o tamanho do caderninho. Mas, esta é a intenção, ficar no espaço, ganhar asas e também deixar entrar o que chegar... Mas, e agora como guardar sem estragar, sem amassar? Simples, ganhou uma caixa. E assim, de simples em simples eu complico. Rsrsrs
Muito boa tarde!

Muito Bom DIa