Pular para o conteúdo principal

Quem quiser que conte outra



Diz um conto Africano, que no inicio dos tempos não havia nenhuma história. O mundo era muito triste. Assim o primeiro contador de história, teve que sair pelo mundo para colher às histórias que iria contar. Para acompanha-lo levou um pássaro em seu ombro, um pássaro-escrivão.

Este homem junto com seu pássaro escutaram o vento, as pedras, o mar, as árvores, os animais e os homens. Enquanto o homem ouvia as histórias o pássaro ia anotando tudo com um pedaço de carvão com goma arábica. Mas o homem temia que estas histórias se perdessem. Então o pássaro pediu que ele colocasse as história escritas em uma cabaça com água e deixasse por uma noite. No dia seguinte o pássaro mandou que o homem tomasse aquela água cheia de histórias, e este homem então contou historia nos cantos do mundo, e os que ouviram, contaram em outros cantos, e assim segundo o conto Africano nasceram às histórias, que acordam, revelam, alimentam e instigam a nossa imaginação.

Comentários

Angela disse…
Caramba, é tão bom ver os seus desenhos novos. Eles trazem alegria e, sobretudo muita esperança.
Quem desenha assim, tem muito amor no coração.
Obrigada por mais essa colagem... é tão carinhosa...
Beijinhos,
Angela
Regina disse…
Por favor, conte outra história, e com uma linda colagem, rsrsrs
rossichka disse…
What an exciting story! I haven't heard it before, but I liked it sooooo much! A wonderful collage - very close to my profession!:) I can print it, can't I?
I'm wondering, Maria, how do you choose the themes for your pictures? Do you wait for something to provoke you or you have a "plan" beforehand?
Angela disse…
As sua lindas estorinhas eu repasso para os meus filhos que ficam admirados! Quero mais...Beijos.
Jaqueline Köhn disse…
Que coisa mais fofaaaaaa, a cada dia uma surpresa, uma doce surpresa!!


Amei!
jeito simples disse…
De fato, é preciso que internalizar para poder doar.
Linda colagem e linda estória.
Bjos
deise CRAFTS... disse…
Oi!!!
Sabe que não me canso de olhar pras suas colagens!
Essa por exemplo, tem um olhar tão vivoooo!!!
Sabe olhar de quem está aprontando, sapequinha!
Ainda bem que inventaram as histórias e mãos habilidosas para ilustrá-las senão o que seria dos sonhos heim!!!!
Beijos! Bom Dia!
Joart Flores disse…
Que colagem mais linda e que história mais fofa!
Amo essas suas postagens.
Me faz lembrar minha infancia, com os livros da Lygia Bojunga Nunes: "A casa da madrinha" e "A bolsa amarela"... Tão bom...
Beijinhos, florzinha
Com carinho
Amei saber como nasceram as histórias...posso publicar no meu blog,?????já que não sei publicar as colagens...buáaaaaa....beijos admiradores e amigos e pedintes.
La meva maleta disse…
Sin cuentos ni historias, el mundo sería un lugar muy triste...pero sin los dibujos, más!

Una historia bella y un precioso collage :-D

Besos
Kélcia disse…
Oi, mãos abençoadas!!!
Pode trazer a Santos sim que retiramos, é só passar o endereço.
Beijos e obrigada pela ajuda
Antonio Miranda disse…
Contos Africanos que saudades Cininha , obrigado.
O ilustre disse…
Lindo! Bem... A sua boneca quase me deixou sem palavras... :)
Ana Carolina disse…
Seu blog é um mimo!
Bjos!
=)
TrüSka disse…
O seu trabalho é tão original! Parabéns!

Aproveito para lhe dizer que tenho um concurso a decorrer no Facebook!
Se quiser participa! : )

Só tens de clicar no LIKE no cimo da página e deixar um comentário no post do concurso. Depois a sorte ditará se o teu comentário tem o número vencedor!

Boa Sorte!!
Beijinhos de Portugal : *
TrüSka

http://www.facebook.com/pages/TrüSka/114034158671129

Postagens mais visitadas deste blog

7 de janeiro dia do Leitor

Hoje é dia do leitor. E, nós independente dos livros somos leitores da vida, das relações humanas, da natureza. Recentemente desenvolvemos outra forma de leitura, a virtual. Quando ocorre a empatia, a aproximação, mesmo de longe aprendemos a ler o outro, a sentir... Descobrimos importâncias e desimportâncias. Descobrimos afetos, amor, amizade, admiração ou nos descobrimos tendo apenas a função de um acessório. Descobrimos, artimanhas, manobras, inveja, a maldade e a vaidade a toda prova. Em compensação descobrimos pares, e amizades que se materializam no real.Temos uma vida dois, igual a real, na tela do computador, e por isso dia a dia temos que desenvolver mais uma forma de leitura.
Amo esse texto do Mia Couto que fala sobre o leitor. No dia do leitor... Não Sabemos Ler o Mundo
Falamos em ler e pensamos apenas nos livros, nos textos escritos. O senso comum diz que lemos apenas palavras. Mas a ideia de leitura aplica-se a um vasto universo. Nós lemos emoções nos rostos, lemos os sina…

Contém Maria

Estava indo tudo bem, até eu descobrir que as Marias ficariam encantadoras em caderninhos tipo Moleskine. Ganharam complementos, que extrapolam o tamanho do caderninho. Mas, esta é a intenção, ficar no espaço, ganhar asas e também deixar entrar o que chegar... Mas, e agora como guardar sem estragar, sem amassar? Simples, ganhou uma caixa. E assim, de simples em simples eu complico. Rsrsrs
Muito boa tarde!

Muito Bom DIa