Pular para o conteúdo principal

Com Licença de Henry Matisse

O sonho de 1940

Comentários

rossichka disse…
I like so much how you recreate great painters!! Have a lovely weekend!
KINHA disse…
Olá Cininha

Matisse com certeza ficaria orgulhoso de ver a sua obra.

BJ0000000000..................
www.amigadamoda1.com
Qué bonito! Matisse habría sonreído al ver su obra desde tus manos. Besos
Amiga: linda leitura de Matisse...bom domingo pra vc...beijos amigos.
Anna B. disse…
Sono sempre interessanti queste tue interpretazioni!
È passato tanto tempo da quando ho proposto la mia, ispirata a Chagall... Mi era piaciuto molto lavorarci, dovrei proprio farne altre...
Intanto complimenti a te!
Que lindo me recordó a Matisse. un beso
Tuka Sampaio disse…
Olá, lindoca, tudo bem?
Amei o post, seu blog sempre traz coisas incríveis! Linda pintura!!!
Gostaria de informar que o domínio do meu blog mudou para .com
O blog agora é http://www.theladiesdiamond.com/
Não se esqueça de participar do sorteio que tá rolando no blog: http://www.theladiesdiamond.com/2012/01/sorteio-1-sorteio-do-ladies-diamond-em.html
Beijos de diamante,

Tuka Sampaio

Blog / Fanpage no Facebook / Twitter / Youtube
Betty Gaeta disse…
Oi Cininha,
O trabalho ficou lindo! Eu adoro estas suas "licenças".
Beijos 1000 e uma 3ª-feira maravilhosa para vc.

www.gosto-disto.com
Tati Galiano disse…
Me encantan tus recreaciones, porque en ellas eres tu, y son preciosas!!.
Un fuerte abrazo querida amiga!! y buen fin de semana

Postagens mais visitadas deste blog

Contém Maria

Estava indo tudo bem, até eu descobrir que as Marias ficariam encantadoras em caderninhos tipo Moleskine. Ganharam complementos, que extrapolam o tamanho do caderninho. Mas, esta é a intenção, ficar no espaço, ganhar asas e também deixar entrar o que chegar... Mas, e agora como guardar sem estragar, sem amassar? Simples, ganhou uma caixa. E assim, de simples em simples eu complico. Rsrsrs
Muito boa tarde!

7 de janeiro dia do Leitor

Hoje é dia do leitor. E, nós independente dos livros somos leitores da vida, das relações humanas, da natureza. Recentemente desenvolvemos outra forma de leitura, a virtual. Quando ocorre a empatia, a aproximação, mesmo de longe aprendemos a ler o outro, a sentir... Descobrimos importâncias e desimportâncias. Descobrimos afetos, amor, amizade, admiração ou nos descobrimos tendo apenas a função de um acessório. Descobrimos, artimanhas, manobras, inveja, a maldade e a vaidade a toda prova. Em compensação descobrimos pares, e amizades que se materializam no real.Temos uma vida dois, igual a real, na tela do computador, e por isso dia a dia temos que desenvolver mais uma forma de leitura.
Amo esse texto do Mia Couto que fala sobre o leitor. No dia do leitor... Não Sabemos Ler o Mundo
Falamos em ler e pensamos apenas nos livros, nos textos escritos. O senso comum diz que lemos apenas palavras. Mas a ideia de leitura aplica-se a um vasto universo. Nós lemos emoções nos rostos, lemos os sina…

Muito Bom DIa