Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2018

Poesia de Fernando Coelho

"Maria sabe que estou com insônia. E foi buscar uma estrela para me cobrir."
Poesia de Fernando Coelho
https://www.facebook.com/fernando.coelho.794

Como de louco, todo mundo tem um pouco e um artista tem um montão...

Poesia de Fernando Coelho

A minha poesia fica bem fraquinha perto de Maria. Vejo o mundo no que ela escreve. Conheço os lugares quando ela viaja. Ouço os segredos dos rios por causa dela. Não sou bom de falar sobre Maria. Sinto saudade e tenho vontade de chorar. Sou um poeta bem lerdo pensando em Maria.
Fernando Coelho, Poeta https://www.facebook.com/fernando.coelho.794

O elegante sempre fica...

Poesia de Fernando Coelho

"Maria deixou um recado: "Poeta, o vento do outono chega. Pegue um punhado dele pra você. Jogue para o alto e voe. Precisa de asas? Use as minhas. Mas poetas têm palavras. Voe e volte. Maria..."
Fernando Coelho - Poeta
https://www.facebook.com/fernando.coelho.794


Às vezes a tesoura fere o papel, com a delicadeza de uma luz de vela...

Boa semana

Benzedeira

Se hoje, minha avó estivesse por aqui, ia deitar minha cabeça no seu colo e me benzer, para me curar da enxaqueca...

Não entendia uma palavra do que ela dizia, bem baixinho, quando benzia. Parecia que tinha engolido um passarinho e falava o idioma dele. Eu ficava de olhos fechados e sabia quando terminava, quando ela fazia o sinal da cruz na minha testa. Eu abria os olhos. Para ela, meu mal era sempre quebranto, mesmo adulta, rsrsrs
Algumas perdas são irreparáveis, porém, fiquei com toda a magia que vivi com ela. Só não sei benzer, ela nunca ensinou ninguém.
Mas posso escrever nos muros - Amo minha vó! rsrs


Acreditava que um dia eu teria asas...

Quando menina, acreditava nas coisas que não existiam. Era fascinada por portas secretas, quartos fechados e janelas escuras. Não sabia tabuada de cor, sentia frio na barriga tinha como companhia a dislexia.Uma fada euma bruxa que eram donas da minha imaginação e como confidente um abacateiro. Trazia comigo a estranha mania de acreditar, que, de alguma maneira, um dia, eu teria asas."MC

Pomerode SC dezembro 2017

Pelo caminho - março de 2018 - São Paulo

Chic é economizar água - Dia mundial da água - 2018

Boa tarde, Maria trouxe um docinho...

Por aqui é Outono...